Jogo
Tipo de REliA: Jogo
Categoria: Em Rede
Disciplina:
Disponibilidade:
Idioma:
Produzido por:
juventudeprivada.com.br
Área do Conhecimento:
Licença de Uso:
Indicado por:
País:

Jogo Puxa Papo

O jogo Puxa Papo, criado por Aline Fuke Fachinetti, é composto por 15 cartas, onde cada uma possui uma pergunta sobre algum dos temas: privacidade, proteção de dados e cidadania digital. O intuito do jogo é estimular conversas sobre esses temas entre os jogadores. As cartas precisam ser impressas e devem ter a sua frente e seu verso colados um ao outro.

Jogo Puxa Papo
Compartilhe:

4 Responses to Jogo Puxa Papo

  1. Rita de Cássia Silva disse:

    Através das perguntas propostas é possível refletir sobre assuntos tão importantes para um uso seguro da internet, mas também para nos conscientizar acerca de outras questões que nem sempre estão tão claras, como o uso de redes sociais sem maiores reflexões sobre seus impactos.

    Recomendaria o jogo para ser utilizado em sala de aula, é um ótimo recurso para introduzir os temas e incentivar a pesquisa acerca de cada um deles.

  2. Delma disse:

    Um jogo muito bom , para ser trabalhado em sala de aula.

  3. Nelson disse:

    É uma ótima forma de gamificar temas pertinentes e relacionados ao cotidiano de adolescentes. Através do jogo, além de tratar de forma crítica o uso da internet, com a licença CC BY-NC nós podemos baixar, remixar adaptando a outros temas de igual importância além de compartilhá-los.
    Convém dizer também que este material é extremamente didático e de fácil adaptação podendo ser usado em sala de aula, em dinâmica de grupos diversos para a promoção de interação e “quebra de gelo”.

  4. Rosa Maria Rodrigues Lamana disse:

    O jogo é muito pertinente para o momento, uma vez que a internet é muito usada por todos. A licença CC BY NC favorece a ampliação do jogo com a criação de mais cards. Porém o jogo deve ser conduzido por alguém que conheça do tema apontado nas cartas de forma a poder conduzir a discussão da melhor forma possível com informações confiáveis. Quando digo “conheça o tema” não digo que é preciso ser um especialista, mas que o condutor deverá estudar um pouco os temas dos cards até para estimular uma boa pesquisa sobre o assunto

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *